Conheça 5 tratamentos estéticos que ajudam na circulação de sangue

Tempo de leitura: 6 minutos

Como qualquer outra função do organismo, ter uma boa circulação sanguínea é importante para a saúde. Assim, quando ela é prejudicada, pode ocorrer o desenvolvimento de alguns quadros, como dores e inchaço nas pernas, sensação de formigamento nos membros superiores e inferiores e varizes.

Além de afetar a saúde, uma má circulação também colabora com o surgimento de problemas estéticos, como a celulite, de maneira que a oxigenação irregular das células contribui para o acúmulo de água e de gordura em determinadas regiões do corpo. Mas, como evitar isso?

Bem, um fluxo sanguíneo ineficiente pode ser amenizado com uma alimentação balanceada e com o consumo de alimentos ricos em antioxidantes, pois eles têm propriedades anti-inflamatórias, as quais ajudam a diminuir os sintomas. E um jeito prático de incluí-los na sua dieta é misturando os ingredientes em receitas de sucos. Vale a pena experimentar!

Contudo, só a alimentação não faz milagre. Para ter resultados mais eficazes, é necessário combiná-la com o uso de tecnologias voltadas para os cuidados da saúde e da beleza. Assim, saiba que há 5 tratamentos estéticos que ajudam na circulação de sangue e, ao mesmo tempo, deixam o corpo mais bonito.

Quer conhecê-los? Então, siga com a leitura do post!

1. Cellutec

Esse tratamento leva o nome do equipamento utilizado na técnica, o Cellutec. Ele realiza uma massagem vigorosa na região tratada, atuando na circulação sanguínea, na celulite, na gordura localizada, no inchaço e nas dores musculares.

O grande diferencial desse tratamento é que o aparelho tem um sistema de massageamento multidirecional composto de movimentos circulares, vibratórios e de percussão. Essa tecnologia permite realizar, simultaneamente, uma drenagem linfática, a remodelação do corpo e uma massagem relaxante para os músculos.

Assim, ao estimular as estruturas mais internas da pele, o Cellutec aumenta a circulação do sangue no local aplicado e promove a oxigenação dos tecidos, o que ajuda no metabolismo e nutrição celular. Consequentemente, os depósitos de gordura são “dissolvidos” e eliminados pelo próprio organismo, o excesso de líquidos é drenado e a sensação de musculatura cansada vai embora.

Além do Cellutec proporcionar diversos benefícios com o seu sistema de massagens, a sua técnica não é invasiva, não causa dor e nem traumas no corpo. E ainda, os resultados já podem ser vistos na primeira sessão, a qual tem duração média de 30 minutos. No entanto, para resultados melhores, o ideal é realizar, pelo menos, 10 sessões.

Embora esse tratamento não seja invasivo, ele não é indicado para todo mundo. Logo, existe contraindicação para cardiopatas, gestantes e pessoas com infecções na pele.

2. Carboxiterapia

Essa técnica tem a finalidade de melhorar o aspecto da celulite, da gordura localizada e das estrias. Para isso, o método baseia-se em inserir gás carbônico sob a pele, em camadas específicas para cada tipo de problema.

No caso do tratamento para a celulite, ele propicia a dilatação dos vasos sanguíneos, a formação de novos e o rompimento de fibroses do tecido subcutâneo. Já nas estrias, o gás carbônico é aplicado para distender os tecidos do local, preenchê-los e estimular a produção de colágeno.

A injeção dessa substância é feita por uma seringa, com uma agulha de pequeno calibre, acoplada a um aparelho, o qual controla a vazão de gás carbônico que sai do cilindro de armazenamento.

Em geral, pode haver desconforto, inchaço e sensação de ardência durante o procedimento, ou ainda, ocorrer pequenos hematomas no local onde as injeções foram aplicadas.

As sessões duram de 15 a 30 minutos, com periodicidade variável. Em muitos casos, sugere-se realizar a carboxiterapia entre 2 ou 3 vezes na semana.

No que diz respeito à contraindicação, essa técnica não é aconselhada para gestantes, pessoas com infecções ativas na pele e portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica.

3. Endermologia

Assim como o Cellutec, a endermologia, também conhecida como vacuoterapia, baseia-se na utilização de um equipamento para realizar uma massagem. Mas, nesse procedimento, o massageamento é feito pela ação do vácuo, ou seja, por sucção.

Esse artifício estimula as camadas mais profundas da pele, elimina toxinas e permite o aumento do fluxo de sangue, mecanismo que nutre as células do organismo e destrói os nódulos da celulite.

O tratamento não causa desconforto e tem excelentes resultados, os quais começam a ser mais visíveis após 10 sessões, de 30 minutos, realizadas 2 vezes por semana.

Apesar de a endermologia não ser uma técnica invasiva, nem todos podem fazê-la. É o caso de gestantes, pessoas com infecções no local a ser tratado e indivíduos em tratamento para trombose.

4. Drenagem linfática

Provavelmente, você não pensou na drenagem linfática como um dos tratamentos estéticos que ajudam na circulação de sangue. Mas, saiba que ela é ótima para isso também.

Com manobras suaves de bombeamento e deslizamento, essa massagem desobstrui os gânglios e mobiliza a linfa para eles. Isso ajuda na eliminação do excesso de água do organismo, reduzindo o inchaço. Além disso, a drenagem linfática alivia a sensação de peso, dormência e dores nas pernas por favorecer o aumento do fluxo sanguíneo e a oxigenação dos tecidos.

Cada sessão desse procedimento é realizada em 30 minutos, e a sua quantidade varia conforme a necessidade da paciente ou indicação médica, já que a drenagem linfática pode ser recomendada após a realização de algumas cirurgias. Além disso, ela não apresenta contraindicação.

5. Heccus

Esse tratamento conta com a utilização de um equipamento chamado Heccus, o qual destrói as células de gordura por meio da combinação de ultrassom de alta potência e corrente elétrica.

Nessa técnica, o profissional aplica um gel na área a ser tratada e realiza movimentos circulares com o equipamento, estimulando o sistema linfático, a circulação de oxigênio no sangue e o metabolismo da gordura na região.

Tudo isso ajuda a reduzir a celulite, a gordura localizada e a flacidez da pele, deixando-a mais lisa e firme. Além disso, o Heccus é uma terapia não invasiva, indolor e com duração média de 20 minutos.

Para ter resultados satisfatórios, o ideal é fazer, no mínimo, 10 sessões, de 2 a 3 vezes por semana — além de aliar o tratamento a alimentação balanceada, ao consumo de água adequado e à prática de atividade física.

Em relação à contraindicação, o Heccus não é indicado para gestantes, portadores de próteses metálicas, DIU e marca-passo.

Como você viu, os tratamentos estéticos que ajudam na circulação de sangue exigem muito conhecimento técnico e prática. Por isso, você não pode realizá-los em qualquer lugar. Para sua segurança e obtenção de ótimos resultados, é muito importante você buscar uma clínica de estética de confiança e com profissionais altamente capacitados.

Nós, da Clínica Eva, levamos a sua saúde muito a sério. Assim, não hesite em entrar em contato conosco para conhecer os nossos serviços! Teremos o maior prazer em atendê-la!

Sobre Clinica Eva

Clinica Eva

A Clínica EVA valoriza o cliente, prestando atendimento sempre de forma ética e transparente, identificando as suas reais necessidades e proporcionando a melhor experiência em alcançar beleza e bem estar. Trabalhamos com o que existe de melhor para tratamentos corporais, faciais e depilação a laser, com profissionais preparados e qualificados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *